Sarau Atemporal ou A mulher e as águas do tempo

Project Description

Nome do Grupo, Companhia ou Artista: Maíra Baldaia | A-Grupa: Teatro e Música.


Sinopse: Vozes mulheres. Ancestralidades mulheres. A mulher no ontem. A mulher no agora. A mulher no amanhã. A mulher voando sobre as águas do tempo. O solo da atriz, cantora, compositora e tamborzeira Maíra Baldaia estabelece-se por meio da dramaturgia feminina como instrumento para a mulher no teatro negro. A energia das Ayabás, a temporalidade –passando por histórias de mulheres de várias gerações – e a linguagem dos saraus poéticos norteiam a estética e a pesquisa do espetáculo. A trilha sonora é executada ao vivo.


Ficha Técnica: Atuação, Dramaturgia e Texto: Maíra Baldaia. Poema de abertura: Nívea Sabino. Direção: Michelle Sá. Direção Musical: Débora Costa. Arranjos. Musicais/Musicistas: Débora Costa, Maíra Baldaia, Nath Rodrigues e Verônica Zanella. Músicas: Maíra Baldaia, Elisa de Sena e Talita Barreto. Iluminação: Tainá Rosa. Preparação Vocal: Bia Nogueira. Figurino: Brenda Alaís. Registro: Catarina Maruaia. Produção: Tamiris Gôuveia. Cenário: Maíra Baldaia. Cenotécnico: Fábio Euzébio da Costa. Orientação de Interpretação Textual: Gabriel Coupe. Orientação corporal: Evandro Passos. Apoio: Coletivo Naiá, Dança Afro Mestre Evandro Passos e Peleja.


Duração: 80 minutos


Foto: Michelle Sá

Project Details

Data de inserção

8 de dezembro de 2018